15/10/2012

Nem todos deveriam votar

 Você é favor do voto obrigatório? Se estamos numa democracia, onde que entra a coerência da mesma se eu sou obrigado a votar? E não me venha com esse papo de "dever civil", que é meu dever votar pelo candidato em que confio (ou como dizem os idiotas, "votar pelo candidato menos pior"). Porque é sempre a mesma bosta de touro do tipo "exerça seu direito, vote", ou "escolha o candidato menos pior". Ora, se é pra exercer meu direito, por que eu não tenho o direito de NÃO ir votar? Se é pra escolher o menos pior, não é mais fácil não escolher nenhum dos dois?

 Chega a ser assustador ver a mesma linha de raciocínio ultrapassada em toda época de eleição, com jovens defendendo seu "dever civil" de votar pela sua cidade, pelo seu país, inundando o Facebook com mensagens e boatos falsos desmitificados há muito tempo, como o velho caso de que se mais de 50% dos votos forem nulos a eleição é anulada e é refeita com novos candidatos. As pessoas que acreditam nessa idiotice são as mesmas que provavelmente engolem as conversas fiadas dos políticos, e são as mesmas pessoas que são encorajadas a votar. É esse o Brasil que os pró-voto querem tanto que vá votar?

 Claro, eu sei, o voto no Brasil é obrigatório, mas isso não te impede de não ir votar. De fato, saber que se você não ir votar, basta justificar a ausência e pagar uma exorbitante multa de TRÊS reais, te encoraja ainda mais a ficar em casa coçando os testículos.

 Nem todos deveriam votar. Se o voto fosse facultativo, talvez as coisas seriam um pouco diferentes. Nenhum país sério que se diga ser democrático obriga os cidadãos a fazerem qualquer coisa. Portanto, se você, jovem, que já não tem esperanças por um Brasil melhor, e que também não liga pra esse país, e nem sabe o que faz um parlamentar, não devesse ir votar, afinal, é melhor do que votar nulo. Porque votar nulo é idiotice. Você só está dando seu voto para o candidato vencedor. E você não confiaria no povo pra eleger um candidato, né?

 Agora, eu admiro essas pessoas super otimistas que batalham por um país melhor, como o pessoal do Movimento Brasileiro Anônimo. Tem que ter um pensamento positivo surreal para querer melhorar um país, cujo é feito de pizza e Coca-Cola num sabadão de calor, assistindo o último capítulo da novela enquanto comenta sobre a tabela do campeonato estadual.

 Você vota porque é obrigado, não porque se importa ou se informa sobre política. Até porque você não sabe nada. O que faz um deputado estadual? Quantos deputados federais têm por estado? Você analisou as propostas de cada um e de sua vida política antes de votar? Aposto que não. Assim como a maioria que votou por votar. Porque foram obrigadas.

 Em um país onde voto é obrigatório e o direito da mulher de realizar o aborto é criminalizado, acho que nem todos deveriam votar. Afinal, se eles votam sem o menor compromisso, não votar, justificar a ausência e pagar uma multa de três reais é bem mais vantajoso.

 Esse vídeo sintetiza com bem mais objetividade e clareza o meu ponto de vista: