12/07/2012

Como evitar ser processado por fazer piadas

 Em tempos de politicamente correto que vêm dominando nossa sociedade desde meados de 2008, temos que tomar cautela com o que falamos e com as piadas que fazemos. O conservadorismo em relação ao humor está domesticando toda uma geração.

 Portanto, como no momento não existe solução definitiva para esse comportamento social cada vez mais frequente, apresento-lhes este pequeno manual de como evitar ser processado judicialmente fazendo humor, seja na vida real ou nas redes sociais.

1) Não faça piada sobre negros. Eles já passaram centenas de anos sendo escravizados, torturados e sendo humilhados n'Os Trapalhões. Não é porque eles são raças inferiores; que não possuem habitação a menos que seja de plástico e sem água encanada; que não têm acesso á refeições básicas diárias e que são normalmente ligados à pobreza, criminalidade, analfabetismo e à torcida do Corinthians, que merecem ser alvo de chacotas e ofensas. E acima de tudo, merecem seus direitos, como por exemplo voltarem á serem escravos.


2) Não conte piadas sobre crianças da APAE. Essas pessoas já possuem deficiências mentais que restringem um cotidiano comum, e batalham diariamente para terem uma vida feliz. Portanto não merecem serem ridicularizadas por anedotas de mal gosto, porque com certeza isso as desagradariam. Isso, claro, se elas tivessem capacidade de entenderem. Contudo, elas merecem ser respeitadas e tratadas com amor pelas suas determinações, pois são pessoas muito especiais. Até porque elas têm Síndrome de Down e talz...

3) Não faça piada sobre celebridades. Se mantenha na linha (e não cheire ela, como o Fábio Assunção). Caso contrário, defensores da Rafaella Justus ou o filho da Wanessa Camargo estarão te processando antes que você termine a sentença da piada, e você perderá todo o seu dinheiro, sendo contratado pela Rede TV e continuar pobre o resto da vida.

4) Não zombe de gordos. Esses indivíduos com vasta camada adiposa em seus glúteos não têm nenhuma culpa de serem do jeito que são, e sim de seus metabolismos lentos e hipotiroidismo. O que na verdade significa que são uns silicones de gordura roliços filhos da puta que precisam de uma filial do Burger King em cada esquina. Mas também merecem serem tratados como iguais, como pessoas normais e de acordo com os parâmetros da sociedade, embora não sejam.

5) Não faça piadas sobre judeus. Eis aqui mais um grupo inteiro de pessoas que sofreram o suficiente e que merecem ser respeitadas, independente delas serem brancas, negras ou cinzas. Além de não fazer piadas de judeus, ao encontrar um, nunca rode ele, pois ele pode ficar tonto e perder a CONCENTRAÇÃO. Ao pegar o metrô com um judeu, nunca diga que o trem esta indo para Auschwitz. Faça amigos judeus, mas caso vá para uma pizzaria com eles, não diga que ao contrário deles, as pizzas não gritam quando vão pro forno. E também tome cautela para não rir muito e acabar se sufocando com a pizza, pois eles podem pensar que estão na câmara de gás. E por falar nisso, não reclame caso o refrigerante venha sem gás. E se ver um cinzeiro, não mencione nada de que eles os antepassados deles serviriam pra colocar lá.

6) Não caçoe de Jesus e nem de Deus. O todo poderoso Cristo de Nazaré (ou algo assim) que é filho de uma mulher virgem que trepou com um anjo enviado por Deus que na verdade é também Jesus, que transforma água em vinho com um pacote de suco TANG escondido na manga, que multiplicava os peixes com aquele jutsu do Naruto, e que provavelmente os religiosos vêem algum tipo de coerência nisso. Mas fazer piadas sobre Deus não é brincadeira, pois ele não tem senso de humor e te enviará para um lugar especial onde você será torturado e agonizará eternamente até os fim dos tempos. Mas ele te ama.


7) Não caçoe de homoafetivos. Também não se refira a eles por termos pejorativos como "gay", "baitola", "marica", "apreciador de trojomba", "biba", "esconde-cobra", "frutinha", "Gaúcho", "morde-fronha", "Campineiro", e mais recentemente, "homossexuais". Esses bichas do caralho são pessoas adoráveis e têm muito amor pra dar. Assim como qualquer outra minoria, os boiolas não devem ser segregados da sociedade, tendo que serem tratados com cordialidade á base de chutes em seus órgãos genitais, e conversas íntimas entre nossos punhos fechados e a boca deles. E outra, piadas de bichinha morreram junto com o Costinha, OK?

8) Não escreva textos em um blog dizendo como não ser processado fazendo humor e, ironicamente, caçoando com aqueles cujo o autor está supostamente protegendo de serem vítimas de piadas.

Se mesmo assim você quer tentar a sorte e ser processado por alguma piada, garanto que será muito fácil, principalmente aqui no Brasil. E garanto que você dará algumas risadas também. Porque ser processado judicialmente só tem graça se for por causa de uma piada.